27 setembro 2013

Bruxos e Bruxas (Witch & Wizard #1), de James Patterson e Gabrielle Charbonnet


Título Original: Witch & Wizard (Witch & Wizard #1) 
Autores: James Patterson e Gabrielle Charbonnet 
Editora: Novo Conceito 
Páginas: 288

No meio da noite, os irmãos Allgood, Whit e Wisty, foram arrancados de sua casa, acusados de bruxaria e jogados em uma prisão. Milhares de outros jovens como eles também foram sequestrados, acusados e presos. Outros tantos estão desaparecidos. O destino destes jovens é desconhecido, mas assim é o mundo sob o regime da Nova Ordem, um governo opressor que acredita que todos os menores de dezoito anos são naturalmente suspeitos de conspiração. E o pior ainda está por vir, porque O Único Que É O Único não poupará esforços para acabar com a vida e a liberdade, com os livros e a música, com a arte e a magia, nem para extirpar tudo que tenha a ver com a vida de um adolescente normal. Caberá aos irmãos, Whit e Wisty, lutar contra esta terrível realidade que não está nada longe de nós.

Assim que fiquei sabendo do lançamento deste livro, confesso que fiquei muito curiosa porque adoro estórias de bruxos, sou uma fã louca de literatura fantástica e por causa do autor, o James Patterson. E com certeza não posso dizer que eu não gostei de Bruxos e Bruxas, mas também não posso deixar de dizer que o livro foi uma grande decepção. 

O livro conta a estória dos irmãos Whit e Wisty que são arrancados de casa no meio da madrugada e acusados de bruxaria pela Nova Ordem, que é um novo tipo de governo que assumiu controle absoluto recentemente. 

A estória já começa com o clímax da estória, o que pode ser meio arriscado, mas que em minha opinião, deu muito certo porque me deu ainda mais vontade de ler o livro e descobrir o que aconteceu até chegar ao ponto que acontece o tal clímax.

Uma coisa que eu gostei muito no livro é a escrita, ela é envolvente e bem simples. A estória também é muito boa e a premissa é muito empolgante, mas mesmo com isso e com a escrita sendo boa, o livro deixou muito a desejar. Porém, o mundo criado por James Patterson e Gabrielle Charbonnet é muito interessante e acredito que será ainda mais explorado nos próximos livros da série. 

O modo como a estória vai sendo contada é boa até que chega a um ponto em que isso vai mudando e situações bem forçadas, superficiais e convenientes demais para os protagonistas começam a aparecer regularmente ao longo da estória. Outra coisa que me incomodou bastante também é que o autor deixa muitas pontas soltas, mesmo para o primeiro livro de uma série. E uma das perguntas que mais ficou na minha cabeça ao longo da leitura do livro é: como o Whit e a Wisty que nem sabiam que eram bruxos, começam a usar os feitiços na hora mais conveniente possível e realizar diversos feitiços? E mais, por que esses poderes deles só apareceram agora?

Quanto aos personagens eu não gostei realmente de nenhum, confesso que criei certa simpatia pelo Whit e a Wisty, mas achei ambos bem infantis e mal desenvolvidos. A maioria dos diálogos deles eram bem bobos, assim como as pitadas de humor que eles tentavam acrescentar, que sempre vem em horas inoportunas.

O final é bem decepcionante porque é muito sem sentido e não deixou nenhum gancho convincente. Entretanto, quero sim ler o segundo livro da série, O Dom, porque apesar de tudo, gostei do universo criado pelos autores e o livro conseguiu prender a minha atenção. Os capítulos do livro são bem curtinhos e a estória é narrada pelos dois irmãos.

Resumindo: Bruxos e Bruxas é um livro mais infantil, não é nem de longe um livro profundo ou que dê ao leitor alguma resposta (o que não é ruim ás vezes, mas que neste caso foi ruim), mas se você procura um livro leve, de leitura rápido e divertido, eu recomendo muito Bruxos e Bruxas.

13 comentários:

  1. Oi Yara! Achei que faltou mais conteúdo ao livro, foi muito superficial a abordagem dos autores e deixou muito a desejar, mas vou dar uma chance ao segundo e ver se o desenvolvimento melhora.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  2. Oie Yara =)

    Eu tb achei Bruxos e Bruxas bem infantil, mas a algo na forma como a narrativa foi criada que realmente faz com que vc tenha curiosidade para tanto continuar a ler o livro como pela continuação da série.

    Não esperava muito do livro, por isso não cheguei a me decepcionar tanto com a história. Claro, poderia ter sido bem melhor, mas também não foi uma total perda de tempo.

    Beijos e uma ótima semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  3. Meu Deus que nota é essa? hehehehhe. Só tenho visto comentários sobre esse livro assim, que o livro decepcionou. Acho que se tivessem apresentado o livro como infanto-juvenil teria sido melhor.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bom?
    Passando para deixar um comentário rsrs
    Nossa , estava ansiosa pelo lançamento .
    Mas com essa tua resenha , não sei não !
    Ainda vou ler para formular a minha opinião :)
    Beijos*-*
    Território das garotas
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Yara!

    A maioria das resenha que li sobre o livro dizem o mesmo que se decepcionaram e o que os persongens não foram bem desenvolvidos. Imagino que, como você mencionou, seja uma leitura rápida e leve, mas não me conquistou. É uma pena, pois a publicidade da editora foi enorme. Ótima resenha.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oie
    Eu já não estava lá muito animada em ler o livro, e nem choquei com a nota que você deu rs
    Muita gente tem comentado da falta de profundidade dos personagens, e os diálogos infantis. Vou ler sem expectativa, só porque o James quem escreveu (apesar de acreditar que o bichinho só assinou pra promover a outra autora hahah)
    bjos
    www.mybooklit.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Eu também estava muito curiosa para ler esse livro, até porque o marketing da editora foi imeeenso. Mas eu só vejo resenha negativas, sempre. Ai me desanimei D: Mas tenho o livro aqui e vou ler em breve, pra tirar minhas conclusões.

    Beijos, Bianca
    Behind enemy line

    ResponderExcluir
  8. Oi Yara!
    Acho que todo mundo esperava muito desse livro, não é mesmo? Eu esperei toda essa onda de decepção passar e acho que agora eu vou conseguir lê-lo sem nenhuma influência.
    Vou sem esperar nada, é o melhor que faço. ><

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  9. Oi Yara :)
    Eu estava bem curiosa pra ler esse livro, porque a jogada de marketing da Novo Conceito pra esse livro foi incrível, mas agora fiquei até decepcionada :x aguardo sua resenha do 2º livro pra saber se vale a pena começar a ler :)
    Beijos
    Raiana - Território Pop

    ResponderExcluir
  10. Oi Yara, eu li o livro também e estava sem muitas expectativas, mas muitas coisas me incomodaram na história. A primeira delas é esse mundo que o autor criou: tipo assim, do nada, tudo mudou, a magia começou a fazer parte da vida deles e ok? Vou ler O Dom para ver se a história terá salvação, mas só se continuarei a série se superar o anterior.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Julia! Essas coisas também me incomodaram bastante na história, esse furos. Eu espero que O Dom seja melhor.

      Beijos

      Excluir
  11. Gente d céu, que medo desse livro. kkkkkkkkkkk
    É muita gente detonando ele, e o pior, eu acabei de receber o segundo. Agora é ler né, fazer o que. Espero tirar pelo menos alguma coisa de bom da leitura. Vamos ver!!

    Bjs, @dnisin
    www.seja-cult.com

    ResponderExcluir
  12. Livro impressionante! Para mim, não é um livro infantil, meche muito com a mente do leitor mas do mesmo tempo de uma forma engraçada, pois os protagonistas do livro são adolescentes.

    ResponderExcluir