18 maio 2013

Meu Amor, Meu Bem, Meu Querido, de Deb Caletti

Título Original: Honey, Baby, Sweetheart
Autora: Deb Caletti
Editora: Novo Conceito

Páginas: 240


É verão no nordeste da cidade de Nine Mile Falls e Ruby McQueen, de 16 anos, comumente conhecida como A Garota Calada, está saindo com o maravilhoso, rico e louco por emoções Travis Becker. No entanto, Ruby está num beco sem saída e percebe que se arrisca cada vez mais quando está com Travis. Em um esforço para manter Ruby ocupada, sua mãe, Ann, a arrasta para o clube de leitura semanal que ela comanda. Quando descobrem que uma das criadoras do clube é a protagonista de uma trágica história de amor que estão lendo, Ann e Ruby planejam um encontro dos amantes de longa data. Contudo, para Ruby essa missão acaba sendo muito mais do que apenas uma viagem...




Não tinha grandes expectativas em relação ao livro e quando peguei o livro para ler, imaginava que seria uma estória mais bobinha e agradável, mas estava enganada e mesmo sem expectativa nenhuma, o livro conseguiu me decepcionar.

O livro conta a estória de Ruby McQueen, conhecida como a garota calada, quando ela começa a sair com o bad boy Travis Becker, no entanto o relacionamento deles é destrutivo. Para ajudar Ruby, sua mãe Ann começa a leva-la a um clube de leitura, as Rainhas Caçarolas, onde elas junto com as Rainhas Caçarolas vão ajudar Lillian a reencontra seu amor do passado.

Quando comecei a ler este livro pensei que ele seria um romance leve, mas toda a estória da Ruby com o Travis foi muito instantânea e mal desenvolvida, e só serviu para dar um impulso para o amadurecimento da Ruby e essa relação dos dois também pareceu ser só uma ponte para a verdadeira estória do livro, que é a aventura das Rainhas Caçarolas junto com a família da Ruby para encontrar o amor de Lillian.

Achei a escrita da Deb Caletti bem travada no começo do livro e simplesmente não fluía, um pouco depois da metade do livro, a estória começa a fluir melhor e seguir um rumo mais certeiro, sem muitos devaneios, como estava sendo até então. Gostei muito do paralelo que a Deb Caletti fez com o relacionamento da Ruby e do Travis com o relacionamento dos pais da Ruby, esse com certeza foi um dos pontos positivos do livro.

O que eu mais gostei no livro foram as rainhas caçarolas porque apesar do grupo de idosas serem bem estereotipadas, eu gostei delas, elas eram bem divertidas e carismáticas. A personagem principal, a Ruby é bem irritante, mas é legal ver o amadurecimento dela ao decorrer da estória. Mas, apesar de alguns personagens serem carismáticos e terem lá os seus pontos positivos, todos foram mal desenvolvidos e são bem rasos.

Em relação à edição, tenho que reclamar da revisão e da tradução porque notei vários erros ortográficos e algumas frases ficaram sem sentido, parecendo até terem sido traduzidas ao pé da letra.

Apesar de Meu Amor, Meu Bem, Meu Querido ter me decepcionado, vou insistir na Deb Caletti e pretendo ler outros livros da autora. Este não é um livro que eu recomendo, mas se você está procurando por uma leitura mais leve, leia este livro sem medo, mas leia ele sem muitas expectativas.


21 comentários:

  1. Oi Yara! As rainhas foram a salvação da história, até a entrada delas eu estava quase deixando o livro de lado, no final foi uma leitura mediana. Tal como você quero ler o outro livro da autora, que foi mais elogiado.

    Bom domingo.
    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cida! Também estava quase largando o livro, só não larguei mesmo por causa das rainhas caçarolas.
      Beijos!

      Excluir
  2. Olá, passei apenas pra dizer que já estou te seguindo e voltarei aqui futuramente pra fazer comentários sobre os posts.
    Seu blog é maravilhoso, convido você e suas leitoras a conhecer meu blog
    http://toobege.blogspot.com.br/
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Nossa... Leitura leve e sem expectativas é trágico ):

    Yara, te indiquei para outro meme legal, se quiser responder ~a casa é sua ~rç

    http://bellebueno.blogspot.com.br/2013/05/meme-7-pecados-capitais-da-leitura.html

    xoxo

    Belle

    ResponderExcluir
  4. Nossa parece ser meio chatinho o livro, hein?! Está na lista das opções quando realmente não tiver nada p/ fazer hehe Beijos ;*

    ResponderExcluir
  5. Oie yara
    que pena :( eu dava tanto, mas tanto por esse livro.
    E com a revisão meio capenga, ai é que complica mesmo rs
    mesmo assim irei ler para tirar minhas conclusões...
    bjos

    ResponderExcluir
  6. Hey
    Gente, só estou lendo resenhas negativas desse livro O.o
    E todo mundo reclamando da revisão! Que isso
    E o título, nunca chamaria minha atenção numa livraria.. mesmo =/

    o carinha ser bad boy e se chamar Travis.. tá muito na cara querer bater de frente com Belo Desastre

    bjs
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  7. Nada pior que personagens que não desenvolvem ><'
    Pelo visto é um livro bem monotono neh??
    mas eu adoorei o nome do club das senhoras XD
    aHUAHAUAHA
    Bjoos flor sz

    ResponderExcluir
  8. Olá.
    Nossa a premissa desse livro não me atraiu em nada, e já logo de cara li que você conseguiu se decepcionar com ele mesmo sem expectativas, percebi que eu não estava enganada.
    Amei a sinceridade e a clareza.

    Beijos
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  9. Oi Yara, tenho visto muita gente falar ter se decepcionado com esse livro. E parece que não são tão bons assim o livro da autora, vi um comentário sobre a escrita travada também em outro livro.
    Pretendo ler esse em breve, e espero não me decepcionar ;~

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá.
    Poxa, que pena que não gostou do livro. Ótima resenha. Eu ainda não li, então não posso falar nada UAHSUAHSA Já li o outro livro dela lançado pela NC e foi até bacaninha. Enfim, espero poder gostar um pouco pelo menos desse outro livro UAHSAUHU

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing

    ResponderExcluir
  11. Nossa só duas estrelas. Acabei de ganhar esse livro e não estava com muita expectativas sobre ele, pois já li varias resenhas negativas dele. Mas agora fiquei até sem vontade de ler. Vou deixar na estante por enquanto.

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Já li algumas resenhas sobre a obra, e cada vez fico com menos vontade de ler esse livro.

    ResponderExcluir
  13. Poxa, que pena que esse livro não é tão legal assim. :( Eu estava super curiosa para ler, mas poxa, quando um livro é mal desenvolvido desanima e muito, né? :(

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bom?
    Passando para deixar um comentário rsrs
    Das experiências desse tipo eu passo longe ,
    definitivamente , não vou ler mais .
    Beijos*-*
    Território das garotas
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Parabéns pela resenha, ficou ótima! =)

    NOSSO CAPRICHO
    apsmass.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Oie Yara =D

    Ah!!!!! Eu já estava meio assim de ler esse livro, mas depois de ler a sua resenha desanimei totalmente =/ A sinopse apresentar um história totalmente diferente do que é realmente pelo visto ...

    Beijos e uma ótima semana!
    ;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  17. Ai meu Deus! Desse jeito vc me desanimou!
    Estava querendo colocar este livro entre os próximos da minha lista, mas pelo visto o jeito vai ser esperar um pouco mais ;x
    beijos
    http://nolimitedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Yara,
    Concordo com você.
    Quando comecei a ler, pensei em abandonar a leitura sim, principalmente no começo.
    Só não me arrependi de ter continuado por que o livro foi realmente ficando muito melhor depois da metade.
    As rainhas caçarolas me encantaram *-*
    rs

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Não me senti atraída por esse livro desde seu lançamento, porque já tinha o precentimento de que seria uma leitura estereotipada; só mais um romance com aquela lição de moral forçada. Então, acho que realmente não vou lê-lo. Gostei de sua resenha.
    Abraço.
    sete-viidas.blogspot.com

    ResponderExcluir